quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Eu não sou cachorro não


Morreu hoje O cantor e compositor Waldick Soreano, figuraça, que (bom) gosto a parte, Foi um personagem importante da cultura popular brasileira.

Em entrevista ao Globo Online, Waldick lembrou de como fez seu primeiro sucesso:

“Eu já tinha me mudado para o Rio e morava na Ilha do Governador, onde criava 11 cachorros. Fui fazer uma gravação em São Paulo e depois, para comemorar, fomos a um boteco. Então meu maestro perguntou por que em não fazia uma canção em homenagem aos cachorros. Na hora pensei: Posso levar isso para outro universo. E deu no que deu.”

Deu em "Eu não sou cachorro não". Todo mundo já ouviu ou usou essa expressão alguma vez na vida, provavelmente com algum sarcasmo ou ironia... Mas o que vale é a marca que esse cara deixou.

Esse era Tosco de raiz, Com seu visual inspirado no Durango Kid.

7 comentários:

paula barros disse...

Olha só, a importância de ler bons blogs. Não sabia da morte dele. Faz uns quinze dias tinha um colega de trabalho ouvindo justo essa música.

A foto foi tirada em Icaraí.
Tem umas do pôr-do-sol que tirei atravessando de barca Rio-Niterói. Foram 20 min de foto. O sol descendo. Acho que está no meu outro blog. No link Paula Barros.

abraços e uma boa noite.

Sunflower disse...

qui puxa, né?

Tatah Marley's Confissões disse...

Nunca tinha ouvido falar dele até então.
:O
;*

Debora disse...

Oi vim lhe retribuir a visita e dizer q tb nao gosto daqueles cantores porem a musica filha é muito linda uma verdadeira declaraçao de amor de um pai para uma filha,assim como Wladick soriano fazia cançoes de amor e no nosso tempo atual pode parecer brega a muitas pessoas principalmente na meninada,mas devemos admitir q suas musicas sao verdadeiras obras primas musicas q se enternizaram, se na epoca dele ja era mal interpretado pelas pessoasq nao o entendiam imagina hj? Devo confessar q nunca gostei dele mas q muitas vezes repeti o bordao eu nao sou cachorro naoo.... E assim o mundo vai girando e as pessoas indo e outras chegando.
Obrigado pela visita ,beijos

O CAVALEIRO NEGRO disse...

Ola! Obrigado pela visita e muito bem postado a homenagem a esse cantor que com certeza fez sucesso.
Tenha um bom final de semana e fica em paz. bye.

Quase Trinta disse...

Morreu um ícone da música brega... dificil quem não conhece o clássico eu não sou cachorro não. Pode até não ligar a música ao seu cantor, mas com certeza todo mundo já cantarolou essa frase...

ótimo final de semana pra ti

Karine Leão disse...

Homero,

Realmente viver é se transformar a cada encontro ou desencontro... (pena que nem todo mundo tenha predisposição para mudar)

A morte, perto ou longe, sempre deixa a sensação de vazio... de impotência.

Um abraço Karinhoso e boa semana!