quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Preparem os ouvidos

Nove Mil Anjos
Imagine se o Junior, da SandyJunior, se juntasse com o Champignon, ex-Charliebraun, para formar uma banda de rock, recrutando o Peu, guitarrista da Pitty, e o vocalista Péricles (quem?) para completar o time.
Imagine agora que essa banda já existe e tem o nome de “Nove Mil Anjos”.
Vá além: imagine que eles estão sendo gravados em Los Angeles, com um produtor que já trabalhou com a Shakira, o Ricky Martin e a Gloria Estefan).

Retirado do Trabalho Sujo.

Tá na cara que é uma banda formada e formatada, para vender disco. Até aí tudo bem tem um monte delas tocando nas rádios aqui e no exterior. O problema é o tal Junior, o cara já tá com o rabo cheio de dinheiro, já é famoso, Já tem milhares de fãs. Por que diabos o cara entra numa banda dessas?

Pensem bem, o cara pode ser dar ao luxo de fazer o que quiser, não precisa mais trabalhar, não precisas da música para ganhar grana ou fama. E se curte mesmo música, porque não se dedicar a algo melhor, mesmo que ele erre que só faça merda, pelo menos estaria fazendo algo autentico e não fabricado para um determinado mercado...

Do que ele tem medo? Das críticas? Provavelmente essa bandinha dele já deve estar sendo
massacrada antes mesmos das pessoas ouvirem as músicas.

Só posso pensar que o cara quer mesmo é o sucesso, tocar nas rádios, ser popstar e tal, nada que muito jabá não consiga, mas só não me venha com papo de trabalho autoral e tal.

Talvez a banda surpreenda e faça um som bom... Mas de qualquer jeito já nasce com a alma vendida ao diabo.

8 comentários:

Quase Trinta disse...

O jeito é esperar pra ver...
Dinheiro ele já tem, esse povo não vive mesmo sem os holofotes

paula barros disse...

Tem coisas que não entendo, e não me esforço mais para entender.

Olha, também não acredito mais num amor daqueles, mas já que pensei e escrevi, nada como colocar no blog.
Mas bem que queria um amor que me ocorresse daquele jeito. Mas enquanto eu for muito razão, muito pé no chão, talvez não dÇe para voar nas asas do amor.

Obrigada pelo seus comentários.

Tatah Marley's Confissões disse...

depois que a fama sobe a cabeça, é dificil tirá-la!
teeeeeeeeeeenso
beijinhos!

Juliana Peltier disse...

o texto só caiu agora.. mas o título descreve também.

acho engraçado falar mal das bandas.. até antes de começar. pergunta para as meninas do nxzero, se eles querem fazer som autêntico e ganhar R$800,00 por mês.
vivendo de música (bem questionável), isso nem é trabalho..
tomara que os nove mil anjos gostem do som deles próprios.. num precisa muito mais que isso.

b.jú

Loira disse...

Adorei o texto do orgasmo fingido!

Sobre o Junior, nem tenho oq falar!

bjsss

ZEPOVO disse...

Vários artistas, com muito talento e grana já demonstraram que pessoas especiais, os gênios se preferem, são "borliner's", não pensam nem agem como os mortais comuns...
Não que Junior seja um gênio musical, na verdade como vc diz ele não precisa de grana, ou se afirmar como músico, muito menos provar que é melhor que Sandy. Eu acho que ele precisa é do público, só quem já esteve na frente de 10.000 pessoas gritando e aplaudindo sabe que tipo de adrenalina isto gera, e muito pior, que tipo de depressão a falta disto causa...
Deve ser o motivo porque muitos artistas com grana, mas esquecidos pelo público, resolvem pelo suicídio, mesmo aquele suicidio em que o cara consome bebida e drogas para se matar aos poucos...

Sunflower disse...

então, "vc vai ter que rebolar" versão mamãe virei rockeirinho? E eu que achava Blink 182 gay.

Taí a sexta prova que estou ridicularmente velha. A propósito, tenho 27.

Beijas

loba disse...

Não tenho dúvida: a fama é viciante! E como em qq vício, vende-se a alma ao diabo numa boa.
Agora este tal Júnior... pô, de que outra forma ele conseguiria se manter in?
Adorei seu blog, moço! Muito bom!!!